Dica de Livro: Os Homens que não Amavam as Mulheres - Millennium 1 - Assuntos e Achados da Scheila

10/17/2018

Dica de Livro: Os Homens que não Amavam as Mulheres - Millennium 1

Dica de Livro: Os Homens que não Amavam as Mulheres - Millennium 1
Sinopse: Em 1966, Harriet Vanger, jovem herdeira de um império industrial, some sem deixar vestígios. No dia de seu desaparecimento, fechara-se o acesso à ilha onde ela e diversos membros de sua extensa família se encontravam. Desde então, a cada ano, Henrik Vanger, o veelho patriarca do clã, recebe uma flor emoldurada – o mesmo presente que Harriet lhe dava,
até desaparecer. Ou ser morta. Pois Henrik está convencido de que ela foi assassinada. E que um Vanger a matou.Quase quarenta anos depois o industrial contrata o jornalista Mikael Blomkvist para conduzir uma investigação particular. Mikael, que acabara de ser condenado por difamação contra o financista Wennerström, preocupa-se com a crise de credibilidade que atinge sua revista, a Millennium. Henrik lhe oferece proteção para a Millennium e provas contra Wennerström, se o jornalista consentir em investigar o assassinato de Harriet. Mikael descobre que suas inquirições não são bem-vindas pela família Vanger. E que muitos querem vê-lo pelas costas. De preferência, morto. Com o auxílio de Lisbeth Salander, que conta com uma mente infatigável para a busca de dados – de preferência, os mais sórdidos -, ele logo percebe que a trilha de segredos e perversidades do clã industrial recua até muito antes do desaparecimento ou morte de Harriet. E segue até muito depois…. até um momento presente, desconfortavelmente presente.

Opinião: Meu livro favorito, aliás, é a minha trilogia favorita. Os Homens que não Amavam as Mulheres é maravilhoso, envolvente e inquietando da primeira a última página. Os temas abordados são fortes [estupro, assassinato, incesto], mas Stieg Larsson escreve sua obra com grande sutileza, quebrando um pouco o incômodo, mesmo assim foi impossível sentir-se confortável enquanto fazia a leitura.

O livro apresenta ao leitor a dupla de protagonistas: Mikael Blomkvist, jornalista famoso por desmascarar esquemas de corrupção, e Lisbeth Salander, uma hacker bissexual com sérios problemas de socialização e aparentando ser portadora da Síndrome de Asperger. Mikael trabalha na revista Millenium, mas ao perder o processo judicialmente após publicar uma reportagem sobre um grande empresário Wennestrom, fica desolado. Com sua reputação comprometida, ele decide se afastar da revista. Então é contratado por Henrik Vanger, famoso empresário, para escrever uma bibliografia da Família Vanger.

Durante suas pesquisas, Mikael descobre que a família Vanger não é uma família normal, a começar pelo misterioso desaparecimento de Harriet Vanger, ocorrido há trinta e seis anos, mas que nunca foi solucionado. Eis que entra em cena Lisbeth Salander, uma hacker bissexual com sérios problemas de socialização que aparenta ser portadora da Síndrome de Asperger. Juntos, eles vão adentrar no seio familiar dos Vander e trazendo a tona podridões fétidas ocultadas por todos os membros da família.

Os Homens que não Amavam as Mulheres é o primeiro episódio de uma série policial composta de dez episódios abordando temas contemporâneos, no entanto, o ambicioso projeto foi interrompido em 2004, quando o jornalista e autor Stieg Larsson, veio a falecer precocemente aos 50 anos de idade. Larsson conseguiu finalizar os três primeiros episódios [livros], mas não chegou a concluir o quarto livro.

O gênero policial é o meu preferido dentro da literatura, mas dentre todos os livros que já li, Os Homens que não Amavam as Mulheres foi o mais surpreendente. A riqueza dos detalhes impressiona. O mistério é tão interessante que me senti ao lado de Mikael e Lisbeth [minha heroína preferida] investigando o crime. Tenso, desconcertante, chocante, perturbador e brutal, esse thriller jamais sairá da minha mente, mesmo que se passem décadas.

Minha Nota: 1star1star1star1star1star

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço a visita!! Beijos da Scheila!!