Conto: Primavera Vermelha (Stephen King) - Assuntos e Achados da Scheila

16 de fevereiro de 2020

Conto: Primavera Vermelha (Stephen King)

Conto: Primavera Vermelha (Stephen King)
Sinopse: Um homem relembra os eventos de oito anos atrás, quando ele era um colegial no New Sharon College, uma escola fictícia na cidade de New Sharon. Durante esses eventos, um assassino em série atingiu o campus de New Sharon, reivindicando quatro vítimas. Os assassinatos coincidiram com um período de "primavera vermelha", e o assassinato parou quando o tempo voltou ao inverno. O assassino (apelidado de Springheel Jack) nunca foi pego...

Minhas Observações: Primavera Vermelha é um conto publicado originalmente em 1968, na revista Ubris, e reunido a outros contos de Stephen King no livro Sombras da Noite, publicado em 1978. Foi um dos melhores contos que li de King, a história é simples: um homem (narrador) relembra acontecimentos de oito anos atrás, época que ele estava cursando no New Sharon College. Suas lembranças são nostálgicas, quase melancólicas.


Conto: Primavera Vermelha (Stephen King)
O título se refere a um conceito de uma uma primavera "falsa", como um verão indiano, ou seja, um período de clima quente que ocorre mais cedo do que o esperado e não dura, eventualmente cedendo lugar a outro período de frio congelante. A narrativa é envolvente e carregada de mistérios. Há uma boa dose dramática, King também usou certos floreios românticos que deixaram o conto quase lírico. 

Primavera Vermelha tem uma reviravolta atordoante no final, daqueles desfechos que dificilmente o leitor esquece. No parágrafo final nos é dada a perspectiva de um provável serial killer, mas este alguém não está totalmente ciente de suas próprias ações. Sem dúvida foi uma reviravolta eficaz, King incorpora a verdade na história de forma natural. Ao reler o conto, já ciente da verdade, consegui captar todas as pistas que levavam ao verdadeiro assassino. Por fim, Primavera Vermelha é um ótimo conto do mestre do terror.

Minha Nota: ⭐⭐⭐⭐⭐

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço a visita!! Beijos da Scheila!!

Pesquisar